Torna-te aquilo que tu és

Por em 21 de outubro de 2014

Bom dia, como vai?

Ontem tive um dia especial. Participei de um evento organizado pelo MNP Jovem aqui em Campo Grande, MS, que foi incrível. Mais de 400 pessoas, um evento de alto nível, com pessoas que eu gosto e admiro muito. Fiz novos amigos e revi amigos antigos. É muito bom estar com gente que você admira, e com quem você aprende e se motiva a se superar. Fica aqui meus parabéns para o MNP, MNP Jovem, Sindicato Rural de Campo Grande e Famasul. Foi um encontro de alto nível.

Minha palestra teve um tema diferente do usual: “Qual é o profissional do futuro para a agropecuária brasileira”.

Contei minha experiência profissional de quase 15 anos a frente do BeefPoint, com erros e acertos. Muito mais erros… :-)

Queria destacar alguns pontos que considero mais relevantes.

Eu acredito que encontrar um trabalho que você realmente goste é encontrar algo que valha a pena gastar a vida fazendo.

Contei sobre duas ferramentas que uso para tomar decisões: o modelo de minização de arrependimento e a regra do último ano. São formas de me forçar a pensar nos impactos do que estou fazendo no longo prazo e em coisas que realmente tem significado para mim.

A regra do último ano é simples e poderosa. A pergunta é: como você viveria esse ano se você soubesse que é o último ano da sua vida. Um ano é muita coisa. Dá para fazer muita coisa. Você pode ter um ano com muito propósito ou ter um ano que passou batido. Refletir sobre seu ano como se fosse o último é uma forma excelente de fazer escolhas alinhadas com seu propósito de vida.

Também falei sobre técnicas, dicas e truques para alcançar alta performance. Uma das melhores é “Ande hoje, com quem você quer ser amanhã.” Suas companhias são um forte indicativo do tipo de pessoa que você vai ser. Uma forma muito eficiente de mudar é ampliar o leque de amizades e companhias. Pessoas que te inspiram a melhorar, a fazer mais, a inovar, a ser você mesmo, te dão muita força. Eu valorizo muito meus amigos e as pessoas que me inspiram a melhorar meu jogo todos os dias.

Sobre sucesso profissional, eu acredito que você precisa trabalhar para se tornar um conselheiro confiável do seu cliente alvo. Ser aquela pessoa que se confia, se admira, se respeita. Não é fácil alcançar isso. É preciso muito estudo, muita dedicação, e também ajuda muito se você souber bem quem é seu cliente ideal, qual é o perfil que você deseja servir, atender.

Me perguntaram ontem em duas entrevistas para TV quais são as características do profissional do futuro. Eu gosto de citar um texto do Marc Andreessen, em que ele fala que as três características mais importantes são: Vontade (energia, disposição), Curiosidade (busca por aprender, perguntar, ir além, fuçar) e Ética (pois isso é inegociável e também porque o mundo está cada vez mais transparente).

Também falei sobre o que consideros os três pilares do sucesso profissional, que aprendi no livro “Amor é a melhor estratégia”, que li há mais de 10 anos. O sucesso depende de: Conhecimento, Relacionamento e Vontade de ajudar os outros. A medida que você se dedica a cada um desses pontos, fica mais fácil alcançar os outros dois. Quando li esse livro há muitos anos, pensei: “É isso que eu quero transformar o BeefPoint – um moto contínuo de conhecimento, relacionamento e fazer o bem”. Se eu tive algum sucesso profissional, foi por conta disso.

Já para o final da palestra, lembrei de uma das minhas frases favoritas: “Torna-te aquilo que tu és”, do Friedrich Nietzsche. Eu acredito que essa frase é um ótimo resumo do que devemos buscar nas nossas vidas. Ser nós mesmos, na nossa melhor forma. Cada um de nós é único, é especial, é diferente. A genialidade está em explorar essa unicidade e buscar sermos a melhor versão de nós mesmos. E não uma cópia de alguém.

Minha última reflexão foi sobre legado. Sobre como vamos querer ser lembrados, por onde passamos. Quando fazemos essa pergunta, fica mais claro o que realmente importa e nos ajuda a levar uma vida, um dia-a-dia mais alinhado com o que realmente acreditamos.

Eu falei por pouco mais de um hora, contei uma série de passagens, de histórias pessoais e outros pontos que não vou conseguir citar aqui. Terminei a noite mutio satisfeito, não só com os elogios, mas porque eu sempre me lembro ao falar desses temas que o maior beneficiado sou eu mesmo. Preparar e apresentar essa palestra me fez relembrar meus valores, meus princípios, me fez relembrar o que é realmente importante para mim.

Isso me dá força para continuar mais focado no que realmente importa. Eu quero ser uma ferramenta para ajudar as pessoas a serem melhores. Começando por mim mesmo.

Muito obrigado por sua companhia por aqui nesse email. Muito obrigado ler suas respostas, seus comentários, seus feedbacks.

Um forte abraço, Miguel

PS: Participar desse evento aqui em Campo Grande ontem foi um reforço de uma crença muito forte que eu tenho. Uma crença de que podemos muito mais, como pecuária, como agro, como Brasil. Temos muita gente boa por aí. Muita gente fazendo um excelente trabalho. E eu quero construir uma rede do bem, para conectar essas pessoas especiais, para reforçar seus propósitos, para dar ferramentas, exemplos e modelos de trabalho. Para que cada um possa ser você mesmo na sua melhor forma. E que cada um pelo seu exemplo possa ser uma estímulo, um professor e uma inspiração para os outros. Assim vamos mais longe. Assim vamos aonde podemos chegar. Espero te encontrar no BeefSummit dias 2-3 de dezembro para reforçar essa corrente do bem.

Miguel Cavalcanti

BeefPoint: Para quem faz hoje a pecuária do futuro. E para quem quer fazer.
AgroTalento: desenvolvimento pessoal e profissional para os novos líderes da pecuária.

2 Comments

  1. Alexandre Penna

    21/10/2014 at 10:53

    Bom dia,
    Excelente palestra Miguel, você conseguiu passar muito conhecimento e despertou o interesse para novos voos.

    Obrigado.

  2. André Delgado

    21/10/2014 at 11:39

    Miguel, venho acompanhando suas publicações há mais de 2 anos, desde que trabalhei no Cepea com Custo de Produção de Pecuária de Corte. Infelizmente ainda não tive a oportunidade de acompanhar seus passos pessoalmente, mas virtualmente já é suficiente pra melhorar meu dia a dia. Me chamo André Delgado, tenho 26 anos e sou Engenheiro Agrônomo em treinamento pela ESALQ (me formo agora em dez/14). Trabalho atualmente dentro da Raízen. É muito bacana ler o que você publica pois não encontro facilmente cabeças abertas dentro do AGRO e sinto muita falta disso. Sou uma pessoa que sempre participou ativamente de movimentos empreendedores dentro da Gloriosa e neste último ano, que estou no mercado (desde jan14 estou na Raízen), tenho conhecido pessoas de outras áreas que têm me ensinado muito sobre auto-conhecimento, winner mind, high stakes!

    Você é um cara genial, me identifico muito com você. Espero que você possa sempre continuar compartilhando um pouco de ti e continue a inspirar os demais.

    Um grande abraço.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *