Duas ferramentas para te ajudar a encontrar seu propósito

Por em 16 de outubro de 2014

Bom dia, tudo bem?

Ontem tive uma experiência interessante. Fui convidado a fazer uma palestra sobre empresa com propósito, num evento sobre empreendedorismo em Ribeirão Preto, SP.

Eu acredito muito e busco todo dia ter uma empresa que esteja alinhada com meu propósito de vida. Tudo que o BeefPoint faz, deve estar alinhado com nosso propósito que é ajudar a melhorar a pecuária de corte brasileira, usando conhecimento, relacionamento e inspiração.

Eu queria te contar duas ferramentas que uso para tomar decisões alinhadas com meu propósito, que também podem te ajudar. Todos os dias temos que escolher, entre opções, projetos, caminhos a seguir. Essas duas técnicas têm me ajudado muito.

A primeira se chama “Modelo de Minimização de Arrependimento”, que aprendi assistindo uma entrevista com Jeff Bezos, fundador da Amazon, maior site de comércio eletrônico do mundo. É muito simples e efetiva.

Ao se deparar com duas ou mais opções, você se pergunta, frente as escolhas: “Quais dessas opções eu vou me arrepender mais de ter tomado, daqui 20, 30 ou 50 anos, dando certo ou errado?”

Com essa pergunta, você checa qual é a melhor das opções, com uma perspectiva de longo prazo e não apenas no curtíssimo prazo, que tende ser a nossa tendência.

Eu procuro me fazer essa pergunta toda vez que estou analisando um negócio ou tomando uma decisão mais importante. É incrível como funciona para te lembrar do que é importante para você e te fazer focar no que é realmente relevante. Quando você coloca um tema dentro de um horizonte de mais de 20 anos, fica mais claro o que realmente importa.

A segunda técnica é o que chamo de “regra de 1 ano”. Muita gente fala que precisamos viver todos os dias como se fossem o último. O problema é que um dia é muito pouco tempo. Eu prefiro aplicar essa técnica, pensando em um ano e não em um dia.

Me pergunto: “Se esse for o último ano da minha vida, como eu gostaria de vive-lo?”

Com isso fica muito mais fácil e simples descobrir quais atividades do meu dia-a-dia que estão alinhadas com o que realmente importa para mim. Sem isso, você acaba deixando a correria diária te fazer esquecer do que é mais relevante.

Muitas vezes estamos fazendo coisas, tocando projetos, investindo em ideias, que não são relevantes para nós. Se esse ano for o último ano nosso, não estaríamos fazendo algumas coisas e estaríamos muito mais focados em outras.

Essa ferramenta tem me ajudado muito a redirecionar meu foco ao mais importante.

Outra maneira de pensar seu ano, é perguntar qual vai ser o marco desse ano. Qual vai ser a atividade de 2014, que você vai se lembrar com orgulho daqui 10 anos? O que você vai olhar para trás e fica satisfeito com o que realizou?

Te convido a pensar no seu dia-a-dia, nos seus negócios, na sua carreira, nos seus projetos, aplicando essas duas técnicas: minimização do arrependimento e regra do último ano.

Toda vez que eu me lembro disso, eu me lembro que o meu principal projeto desse ano é o AgroTalento, e faço uma reflexão de como poderia dedicar mais tempo, atenção e energia ao que é mais relevante para mim.

Se quiser, vai ser um prazer ler suas reflexões. É só responder esse email, ou comentar no texto aqui.

Bom e produtivo dia para você. Grande abraço, Miguel

PS: Para finalizar, tenho um convite especial para você. Hoje durante todo o dia, teremos a transmissão ao vivo e gratuita de 13 palestras sobre pecuária de corte. É o BeefPoint Live Day. Garanta agora sua vaga e participe!

Miguel Cavalcanti

BeefPoint: Para quem faz hoje a pecuária do futuro. E para quem quer fazer.
AgroTalento: desenvolvimento pessoal e profissional para os novos líderes da pecuária.

5 Comments

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *